A SAD do Desportivo das Aves reagiu, este domingo, à notícia avançada sábado pelo jornal 'Público' sobre a alegada existência de "negócios duvidosos" com o Benfica.

Os avenses dizem-se prontos para colaborar com a justiça e falam na realização de uma auditoria externa ao exercício de administrações anteriores que já tinha sido pedida.

Segundo a investigação do jornal 'Público', recorde-se, terá sido criada uma conta-corrente entre a SAD do Aves e a SAD do Benfica, por altura da chegada da empresa de capital chinês Galaxy Belivers ao clube de Vila das Aves.

Leia o comunicado na íntegra:

"Na sequência das notícias dos últimos dias, que envolvem a SAD do CD Aves, a atual administração garante estar totalmente disponível para colaborar com a justiça no apuramento de responsabilidades, de modo a repor o seu bom nome. Atenta ao evoluir da situação, a SAD do CD Aves tinha já pedido uma auditoria externa ao exercício de administrações anteriores, que tem na sua posse e que está a ser analisada para eventual apuramento de responsabilidades.

A atual administração sublinha ainda que a sua gestão ao longo da presente temporada foi muito penalizada por força da herança recebida das gestões anteriores, que acabaram por condicionar as verbas que planeava aplicar não só na construção do plantel, como no desenvolvimento das estruturas do clube.

Como tal, a atual administração do CD Aves reserva o seu direito de apurar responsabilidades através dos competentes meios legais."

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.