O Benfica, através da sua direção de comunicação, acusa Luís Gonçalves, diretor-geral da SAD do FC Porto, de ter ameaçado a equipa de arbitragem nomeada para o encontro entre o FC Porto e o Boavista que se jogou no Estádio do Bessa.

De acordo com o clube da Luz, o incidente terá sido registado ao intervalo do jogo da 11ª jornada da Primeira Liga que terminou com um triunfo do FC Porto.

"Luís Gonçalves volta atacar. Investigado pelo Ministério Público por ameaças ao árbitro Tiago Antunes soube-se agora de novas ameaças à equipa de arbitragem no túnel do Bessa no intervalo do último Boavista - FC Porto. Já com o Leixões foram várias as ameaças ao quarto árbitro. O clima de coacção tem de acabar".

Para além da acusação, o Benfica relembra ainda que o diretor-geral da SAD do FC Porto está a ser investigado noutro caso de ameaças a árbitro da temporada passada.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.