O Benfica comunicou hoje à Comissão do Mercado de Valores Mobiliários (CMVM) que desconhece a existência de qualquer proposta para contratar o futebolista Fábio Coentrão.

«A Sport Lisboa e Benfica – Futebol, SAD, em cumprimento do disposto no artigo 248.º do Código dos Valores Mobiliários, vem esclarecer que desconhece qualquer proposta apresentada à Sociedade, ou a qualquer outra entidade que seja do seu conhecimento, por parte de algum clube, sociedade, empresário ou qualquer intermediário, relativamente à aquisição dos direitos desportivos do atleta Fábio Coentrão», refere o comunicado da sociedade “encarnada”.

Na segunda-feira, o Benfica negou, em comunicado publicado na sua página oficial, que tivesse chegado a acordo com o Real Madrid para a transferência do defesa esquerdo, tendo sublinhado ainda que a cláusula de rescisão era de 30 milhões de euros.

Já hoje, fonte do Benfica revelou que o clube iria instaurar um processo disciplinar a Fábio Coentrão por este ter dado uma entrevista ao jornal espanhol As, na qual manifesta o desejo de rumar aos “merengues”, infringindo assim o regulamento interno do clube.

Os “encarnados” também ponderam apresentar uma queixa na FIFA contra o Real Madrid, «por assédio indevido e não autorizado a Fábio Coentrão», segundo revelou também hoje à agência Lusa fonte ligada ao processo.

Fábio Coentrão, formado no Rio Ave, chegou ao Benfica no Verão de 2007, mas foi emprestado nas duas primeiras épocas. Em 2007/08 esteve cedido ao Nacional e, na temporada seguinte, teve a primeira experiência em Espanha, no Saragoça, terminando a época no Rio Ave.

O jogador impôs-se no Benfica a partir de 2009/10, com a chegada do treinador Jorge Jesus, que o recuou com sucesso de extremo para defesa esquerdo, posição que lhe abriu as portas da titularidade na selecção nacional, ao serviço da qual disputou o Mundial2010.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.