O Benfica publicou, ao início da tarde, mais uma edição da sua habitual newsletter diária, 'News Benfica', na qual se congratulam com o triunfo da véspera sobre o Marítimo e com o bom momento que a equipa atravessa, fazendo questão de destacar o facto de a equipa ter, enfim, beneficiado de uma grande penalidade na presente edição da I Liga.

"Foram necessárias 25 jornadas para que, finalmente, uma falta evidente sobre um nosso jogador na área adversária fosse sancionada com grande penalidade. Trata-se de um recorde indesejável e injusto face aos vários lances em jogos anteriores que, indubitavelmente, deveriam ter sido assinalados", aponta o clube da Luz.

Sobre a vitória por 1-0 na receção ao Marítimo, as 'águias' destacam alguns números, sublinhando a continuidade da senda de vitórias que a equipa tem vindo a conseguir desde que o surto de Covid-19 no seio do plantel foi debelado.

"O triunfo benfiquista ante o Marítimo não tem contestação possível. Só a ineficácia perante a baliza contrária impediu a nossa equipa de cimentar a vantagem (...). Merecem também destaque as seis partidas seguidas na Liga NOS sem qualquer golo sofrido. É preciso recuar a 2014/15, época em que, sob o comando de Jorge Jesus, nos sagrámos bicampeões nacionais passados 31 anos, para se encontrar um registo melhor (sete). Em toda a história, foram somente oito as séries mais longas que a atual de jogos consecutivos no Campeonato sem golos sofridos", lembram.

Também o marco obtido na noite de segunda-feira por de Jorge Jesus merece referência. "O nosso treinador, entretanto, atingiu um marco interessante ao serviço do Benfica: 250 vitórias em competições oficiais nacionais e internacionais, não considerando três após o desempate por marcação de pontapés da marca de grande penalidade. Incluindo estas e ainda as conseguidas na Taça de Honra da AFL, soma 255", lembram os 'encarnados'.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.