Lisboa, 03 mai 2021 (Lusa) – O Benfica repudiou hoje os todos os atos de violência entre adeptos, salientando que essas ocorrências “prejudicam a imagem do futebol português e do desporto nacional”.

“Na sequência dos acontecimentos ocorridos esta tarde, envolvendo adeptos do Benfica e do Sporting, a direção do Sport Lisboa e Benfica reafirma o seu total repúdio e distanciamento face a qualquer ato de violência”, refere o Benfica, em comunicado.

Os ‘encarnados’ salientam que os atos de violência devem ser punidos pelas autoridades competentes.

“Sejam provocados por adeptos do Benfica, ou de qualquer outro clube, não deixam de ser isso mesmo, atos de violência, nos quais não nos revemos e que prejudicam a imagem do futebol português e do desporto nacional”, acrescenta o documento.

O Sporting denunciou que ocorreram hoje “atos de violência gratuita” contra a Torcida Verde, uma das claques do clube, que, segundo os ‘leões’, foram desencadeados por “um grupo de adeptos do clube rival”.

“Situações desta natureza não dignificam o desporto nacional, nem são representativas do futebol em particular. O Sporting continuará sempre a defender que a cultura de medo, de conflito e de violência deve ser banida do futebol português”, referem os ‘leões’ em comunicado.

Fonte oficial da PSP confirmou à agência Lusa a existência de um “incidente” junto ao Estádio José Alvalade, em Lisboa, mas não adiantou mais informações, referindo que o caso está a ser investigado pelas autoridades.

*Artigo atualizado às 20h56

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.