O treinador José Peseiro venceu apenas por uma vez no Estádio da Luz, onde no sábado vai liderar o Sporting frente ao Benfica, no dérbi da terceira jornada da I Liga portuguesa de futebol.

O técnico, de 58 anos, que está de regresso ao comando dos 'leões', depois de ali ter passado entre 2004 e 2005, defrontou os 'encarnados' em 13 ocasiões, ao serviço de Nacional (duas), Sporting (quatro), Sporting de Braga (seis), FC Porto (uma) e, mais recentemente, Vitória de Guimarães (uma).

Este historial contempla quatro vitórias, três empates e seis derrotas, a última das quais na temporada transata, ao comando dos vitorianos, que foram batidos por um 'bis' de Jonas (2-0), no Estádio da Luz.

Esta foi a mais recente das sete visitas de Peseiro ao reduto das 'águias', onde apenas conquistou um triunfo, pelo FC Porto, na I Liga 2015/16. Mitroglou até deu vantagem ao Benfica, mas Herrera e Aboubakar operaram a reviravolta (2-1), num encontro em que o guarda-redes Casillas 'brilhou'.

As outras cinco deslocações de Peseiro à Luz saldaram-se em três desaires, ao serviço de Nacional, Sporting e Sporting de Braga, e dois empates, com 'leões' e minhotos.

Na primeira passagem pelos 'leões', e após vencer o eterno rival, em casa, para o campeonato, por 2-1, Peseiro foi eliminado da Taça de Portugal, na Luz, através do desempate por grandes penalidades, depois de 'frenética' igualdade 3-3.

No epílogo dessa época (2004/05), o técnico ainda viu o 'seu' Sporting 'sucumbir' ao cabeceamento certeiro de Luisão (1-0), na penúltima jornada do campeonato, que deixou as 'águias', de Giovanni Trapattoni, com caminho aberto para o título.

Na temporada seguinte, Peseiro ainda conseguiu vencer os 'encarnados', novamente por 2-1, em Alvalade, mas, semanas depois, acabaria por abandonar os 'leões', pelo que já não orientou a equipa no reduto benfiquista.

Por outro lado, na primeira passagem pelo Sporting de Braga (2012/13), o técnico arrancou o campeonato com um empate 2-2 na Luz, antes de uma derrota (2-1) na 'Pedreira', onde, um mês mais tarde, os minhotos somaram um nulo (0-0) para a Taça da Liga, apurando-se para final da prova no desempate por grandes penalidades.

A segunda passagem de Peseiro pela Cidade dos Arcebispos, em 2016/17, foi menos 'feliz', saldando-se em duas derrotas, uma na Supertaça (3-0), em Aveiro, e outra na Luz, para o campeonato (3-1).

Já ao serviço do Nacional, o técnico ribatejano disputou dois encontros com o Benfica, ambos referentes à I Liga 2002/03: venceu por 1-0, na Madeira, com um golo do brasileiro Serginho, e, mais tarde, perdeu por 2-0, na Luz, graças a um 'bis' do esloveno Zlatko Zahovic.

Benfica e Sporting jogam no sábado, a partir das 19:00, no Estádio da Luz, em Lisboa.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.