O Conselho de Disciplina (CD) da Federação Portuguesa de Futebol (FPF) abriu um processo disciplinar ao Boavista pelos cânticos entoados por adeptos do clube axadrezado e dirigidos a Rochinha, antigo jogador do clube.

O médio trocou o clube boavisteiro pelo Vitória em janeiro da última temporada, mudança que não terá caído bem junto dos adeptos do Boavista, que insultaram o jogador na deslocação ao Estádio D. Afonso Henriques, no passado dia 18 de agosto.

A situação acabou por ser denunciada pelo Sindicato dos Jogadores.

"Rochinha foi alvo de um conjunto de insultos por adeptos da equipa adversária, inaceitáveis em qualquer contexto, por mais tenso que seja o ambiente de um jogo de futebol ou vulgar que seja a utilização de determinadas expressões nas bancadas. Os referidos insultos não foram dirigidos de forma indiscriminada, foram antes uma manifestação de ódio e ameaça, com o aproveitamento de um acontecimento recente da vida do jogador, o falecimento da sua mãe", escreveu então o organismo liderado por Joaquim Evangelista.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.