O Boavista mostrou-se bastante crítico com os programas televisivos sobre futebol. Num artigo de opinião publicado no site oficial do clube e assinado pelo presidente do clube, Vítor Murta, os 'axadrezados' dizem que os atuais programas de televisão são "conversas de café com agendas devidamente elaboradas por gabinetes de comunicação a canibalizarem-se, arrastando para a lama todos os outros que competem com os clubes que dizem defender".

O clube diz ainda que vai agir "nos locais próprios contra todos aqueles que coloquem em causa a honra e o bom nome da instituição, dos seus profissionais e dos Boavisteiros". Em causa as declarações de Pedro Proença, comentador afeto ao Sporting na TVI24, que criticou a atuação do Boavista mas também do Nacional e do SC Braga frente ao Benfica no Estádio da Luz.

Eis o artigo de opinião do presidente do Boavista na íntegra

"Tenho saudades de programas de futebol que falavam e mostravam o que realmente interessava. Cresci e aprendi a gostar de Futebol com o Domingo Desportivo. Lembro-me de ficar à espera dos resumos, das entrevistas e das reacções dos verdadeiros protagonistas; e que feliz ficava quando o Boavista ganhava e era contemplado com o "resumo alargado".

Hoje em dia, com dezenas de canais na grelha televisiva – ao contrário do tempo do "Domingo Desportivo" em que apenas havia o Canal público - esperava que se mostrasse mais futebol. Infelizmente, não é assim. Em vez de Futebol, colocam três personagens, em conversas de café com agendas devidamente elaboradas por gabinetes de comunicação a canibalizarem-se, arrastando para a lama todos os outros que competem com os clubes que dizem defender. Dizem defender... pois não defendem nada nem ninguém. Ao invés, estes senhores que gravitam nas TVs destroem aquilo que todos nós amamos.

Generalizo, porque o princípio e o formato é o mesmo: conversas de café. Porém, tenho a obrigação de reconhecer que há excepções nesses painéis. Há gente que é capaz de ver para além de um torneio triangular. Mas na cabecinha de alguns grunhos nada existe para além de três clubes, e quando um clube fora desse sistema perde ou ganha a este "triunvirato" é sempre posto em causa, ou porque facilita ou porque se esforça em demasia... nada mais errado.

Trabalhamos todos, aqui no Boavista, por um futebol verdadeiro sem ordinarices e sem grunhisses.

Como presidente, estarei sempre na linha da frente intransigentemente a defender o Boavista, por conseguinte agiremos nos locais próprios contra todos aqueles que coloquem em causa a honra e o bom nome da instituição, dos seus profissionais e dos Boavisteiros.

Tenho orgulho em ser Boavisteiro! Tenho orgulho num clube e nos nossos adeptos, que sempre estiveram ao lado do seu único Amor. Vamos continuar a demonstrar, onde realmente importa - por esses estádios fora - que somos diferentes que somos puros, gostamos de futebol e amamos um só clube: o Boavista.

Por último, e de maior importância, pois queremos sempre dar relevância ao futebol, neste Domingo, temos um jogo muito importante nesta nossa caminhada. Como tal, a Direção do Boavista e a Administração da SAD, colocará ao dispor dos associados do Boavista autocarros gratuitos para todos os que adquirirem bilhete para o jogo em Chaves, para que desta forma possamos todos ajudar os verdadeiros protagonistas dentro de campo a vencer. Mais informações serão prestadas posteriormente.

Um Abraço

Vítor Murta

Presidente do Boavista Futebol Clube"

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.