Bruno de Carvalho teceu duras criticas ao mercado de transferências de jogadores. Em entrevista à Bloomberg, o presidente do Sporting disse que há muita facilidade em retirar fundos de um clube

“Há quatro anos que ando a dizer que o governo precisa de colocar uma mão nisto. É muito fácil roubar dinheiro a um clube. Não é preciso sequer abrir uma conta bancária, é muito fácil. O comportamento antiético e ilegal é comum em Portugal”.

Bruno de Carvalho comentou ainda a presença de empresários no mercado de transferências é uma questão a ter em conta e deu o exemplo da venda de João Mário para o Inter de Milão que foi feita sem o auxilio de agentes desportivos. No entanto, o presidente do clube leonino disse que não podem querer o bolo inteiro.

“É possível formar relações com agentes se eles perceberem que têm de encontrar uma maneira de não comer o bolo inteiro”.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.