O presidente do Sporting, Bruno de Carvalho, marcou ontem presença na cerimónia de lançamento do “Almanaque do Leão”, da autoria do jornalista Rui Miguel Tovar, e enfatizou a 'altura importante' em que a obra é lançada, apesar da formação de Jorge Jesus estar a atravessar um momento menos positivo, ao cair para o terceiro lugar da I Liga.

Depois de reivindicar recentemente que o Sporting detinha 22 títulos de campeão nacional, ao invés dos 18 historicamente atribuídos aos ‘leões’, Bruno de Carvalho acabou por apadrinhar o lançamento do “Almanaque do Leão”, que contabiliza apenas 18 títulos oficiais em vez dos 22 por si reclamados com a inclusão do Campeonato de Portugal, disputado nas primeiras décadas do século XX.

"Neste livro estão 18 títulos. O Campeonato de Portugal, apesar da designação de campeonato, era uma prova disputada por eliminatórias e, por isso, é a antecessora da Taça de Portugal. Mas seria bom a Federação tomar uma posição definitiva, pois houve outras equipas a ganhar. Não foi só o Sporting. O Benfica também ganhou, o Marítimo, a Olhanense", esclareceu Rui Miguel Tovar.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.