Bruno de Carvalho teve uma mensagem muito forte, dirigido para entro, por ocasião do 25.º aniversário do núcleo de Castelo Branco. O presidente do Sporting atacou os "sportingados" que, na sua opinião, representam oito por cento da família sportinguista.

"Um 'sportingado' é um misto de sportinguista com aziado. Ainda temos oito por cento desses, é verdade. E quero dizer a essas pessoas que se houve coisa que nunca quis foi que o Sporting perdesse. Disseram-me, quando o Sporting estava mal, para aproveitar. Se fosse para isso preferia nunca ser presidente do Sporting. Preferia não estar aqui se quem estivesse à frente do Sporting ganhasse durante 100 anos consecutivos. Infelizmente há sportinguistas que não pensam assim", acusou.

Já tenho dito nos últimos dois dias tudo o que tenho para dizer mas vou continuar a pedir aos sportinguistas que se mantenham mais fortes e unidos, que se foquem no essencial: apoio a 55 modalidades, apoio incessante ao que são os nosso atletas, equipas técnicas, dirigentes, porque os ataques vão suceder por fora e, cada vez mais, por dentro. Esta direção escolheu um caminho de um Sporting que me ensinaram a amar, com exigência, trabalho árduo, pés sempre assentes, muita disciplina, humildade e compromisso. São os objetivos do clube. Os objetivos são claros, é a glória. Somos mais de três milhões e meio de sportinguistas e somos atacados da forma que somos. Vão lançar mais calúnias, ruídos, poeiras, cabe-nos a nós defendermo-nos. Não pode andar o presidente a justificar tudo e a todos, todos os dias", lembrou BdC.

Num discurso, com ´ataques` em todas as direções, o líder leonino voltou a pedir a união de todos os sportinguistas em torno de todas as modalidades do clube.

"Não podemos num dia apelidar uma das nossas equipas de bestial e noutro dia de besta, seja em que modalidade for. A exigência não pode ser sinal nem sinónimo de uma mágoa que os sportinguistas teimam em manter. Queremos chegar ao fim e ser campeões em todas as modalidades. Contamos com o 12.º jogador e, como sabem, são vocês. São vocês que nos dão aquela força, aquele acréscimo quando nos começam a faltar as forças, aquela vontade quando começamos a vacilar, vontade de fazer mais e melhor. Precisamos desse apoio em todos os campos, todos os pavilhões em que atua o Sporting", pediu.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.