O defesa Bruno Gaspar, do Vitória de Guimarães, disse hoje que a equipa terá de ser consistente defensivamente para triunfar no terreno do Moreirense, em dérbi do concelho de Guimarães, a contar para a 16.ª jornada da I Liga portuguesa de futebol.

O lateral-direito, de 22 anos, afirmou que o desaire sofrido perante o Benfica está "completamente ultrapassado", apesar de ter considerado que o resultado não foi o mais justo, e antecipou um Vitória "consistente", a jogar "com raça e querer", que terá de ser eficaz para vencer o encontro frente aos ‘cónegos’.

"Temos de ser consistentes defensivamente, não sofrer golos e tentar concretizar as oportunidades que temos para resolver a partida", reiterou o jogador formado no Benfica.

O jogador, que recusou comentar os alegados insultos sofridos por Sérgio Conceição e por alguns jogadores vimaranenses no último jogo, referiu também que o ambiente do próximo dérbi em Moreira de Cónegos, à partida com menos gente do que o habitual, em virtude do horário, não terá qualquer influência no rendimento do Vitória.

"Somos um grupo que joga sempre para ganhar e para ter um bom resultado. Não pensamos nisso, sequer. Vamos lá para trazer os três pontos", disse.

Na partida com os ‘encarnados’, a formação vimaranense averbou a segunda derrota seguida em casa, um registo contrário ao que tem acontecido fora, com uma série de três vitórias consecutivas, mas o defesa alegou que tal se deve mais à ineficácia caseira do que a diferenças na qualidade exibida fora e em casa.

"São jogos... Às vezes, falta-nos finalizar as jogadas que fazemos. Não temos tido essa sorte, mas, de certeza, com o tempo e com mais jogos, vamos ganhar essa consistência e fazer em casa o que temos feito fora", adiantou.

O futebolista, que cumpre a segunda época em Guimarães, mostrou-se ainda convicto de que a segunda volta será superior à primeira e que a equipa poderá terminar o campeonato "feliz", se continuar a trabalhar como tem feito até agora.

"Trabalhamos diariamente muito bem. O ‘mister' Sérgio [Conceição] é um treinador que sabe passar a mensagem e nós somos um grupo jovem que quer aprender. No final, vamos acabar muito melhor do que estamos agora", concluiu.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.