Bruno Lage chegou à sala de imprensa do Estádio da Luz , depois do empate sem golos frente ao Tondela que impediu as 'águias' de se isolarem no topo da tabela classificativa, com semblante algo carregado e começou por falar da um resultado que considera injusto.

"Penso que pelo volume ofensivo que tivemos merecíamos outro resultado. Deixámos fugir a oportunidade de passar para a frente do campeonato", reconheceu, antes de lembrar que o interregno competitivo deixa marcas em todas as equipas.

"As equipas vêm de uma paragem muito prolongada e tivemos um período curto para treinar em termos coletivos, ao contrário do que acontece numa pré-epoca, em que fazemos vários jogos de preparação. Isso irá fazer a diferença e trazer desgaste às equipas. Acredito que a equipa vai ganhar ritmo à medida que for disputando mais jogos. Senti a equipa a crescer aos poucos durante o jogo e encostámos o Tondela à sua área", acrescentou.

Sobre a oportunidade perdida de passar para a frente do campeonato, Lage lembrou que o FC Porto tinha perdido oportunidade idêntica antes da paragem da competição. "Temos de fazer o nosso trabalho e não nos preocuparmos com os outros. A oportunidade que deixámos fugir hoje foi a que o Porto tinha deixado fugir depois de empatarmos em Setúbal, antes da paragem do campeonato", sublinhou.

Questionado sobre se o seu lugar estava 'à disposição', o técnico foi peremptório e disse que continuará enquanto achar que está a fazer o trabalho certo, garantindo o mesmo empenho de sempre.

"Quando sentir que não sou solução e que a qualidade de trabalho não é a mesma, não se preocupem. Está aqui uma pessoa empenhada e dedicada, mas quando sentir que a evolução não é a pretendida, não há qualquer problema", vincou o treinador, que vem numa série de quatro empates consecutivos, tendo apenas uma vitória nos últimos nove jogos", frisou.

A terminar, Lage admitiu que a ausência dos adeptos poderá ter prejudicado a equipa. "O entusiasmo do público, seguramente, teria sido um tónico para a equipa ter tido ainda mais inspiração, mas isso não é justificação", afirmou.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.