O treinador do Benfica concedeu uma longa entrevista ao jornal desportivo 'A Bola' em que fala, entre outros assuntos, do caso Raúl de Tomás.

"Espero tudo do Raúl. Foi um jogador que nós acompanhamos e fizemos muita força para vir jogar connosco. Temos de esperar tudo de bom do Raúl", começou por dizer Bruno Lage, explicando de seguida o que o jogador precisa de fazer.

Para o técnico dos encarnados, De Tomás tem de "dar a volta, porque por vezes na vida há estas travessias no deserto e só nós é que temos a capacidade de dar a volta na nossa vida com aquilo que controlamos, que é o trabalho, muito trabalho."

"Disse em jeito de brincadeira, no final do jogo em Setúbal, mas é aquilo que os espanhóis costumam dizer: treinar que nem uma besta e ter muitas ganas de triunfar num clube com a dimensão do Benfica. Isto vale para o Raúl como vale, por exemplo, para o Tino, que neste momento também está na mesma situação. É eles continuarem a trabalhar e em cada momento que lhes é dada uma oportunidade estarem presentes porque a equipa precisa de toda a gente. Amanhã surge uma lesão, surge um castigo e eles têm de estar preparados e só se consegue treinando bem", explicou Bruno Lage.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.