O Benfica venceu este sábado o Belenenses SAD por 2-0, em encontro da segunda jornada da I Liga. Rafa Silva e Pizzi fizeram os golos dos encarnados que subiram à liderança do campeonato a uma jornada do clássico com o FC Porto. Seferovic ainda viu um golo se-lhe anulado por fora de jogo.

A equipa de Bruno Lage iniciou a partida com o mesmo onze que na última semana goleou o Paços de Ferreira na Luz por 5-0. Já nos azuis, Kau e Matija Ljujic entraram no onze, em detrimento de André Sousa e Dieguinho.

A primeira oportunidade de golo na partida pertenceu à equipa de Bruno Lage aos sete minutos. Passe de Pizzi a lançar Raúl de Tomás na área, o espanhol atira à baliza, mas o guarda-redes do Belenenses SAD Koffi fez uma bela intervenção. A bola sobra novamente para o avançado espanhol que mete e Seferovic, mas o suíço falha o remate de forma incrível.

Confira o resumo da vitória do Benfica no Jamor

O Benfica sempre se mostrou mais perigoso e aos 22 minutos Raul de Tomas esteve muito perto de se estrear a marcar com a camisola do clube da Luz. Rafa Silva serviu o avançado espanhol à entrada da área, que de primeira e em arco fez a bola sair ligeiramente ao lado da baliza defendida por Koffi.

Raul De Tomas voltou a estar perto de marcar aos 41 minutos. O avançado recebeu em boa posição e atirou contra Gonçalo Silva, e depois o espanhol a servir Rafa, que atira de calcanhar, mas à figura de Koffi.

Em cima do apito para o intervalo, o Belenenses SAD dispôs da sua melhor oportunidade no primeiro tempo. Rúben Dias escorregou e deixou Kikas isolado que atirou na cara de Vlachodimos, mas este fez bem a mancha e evitou o pior para a equipa de Bruno Lage.

O Benfica entrou na segunda parte a pressionar para tentar abrir o marcador e conseguiu-o aos 58 minutos. Rafa tabelou com Pizzi, arranjou espaço para armar o remate e atirou forte e colocado, sem hipótese para Koffi.

Depois do golo dos encarnados, a equipa de Jorge Silas começou a instalar-se no meio-campo do adversário à procura do golo do empate e esteve perto de marcar aos 76 minutos numa boa jogada de Vélez do lado direito do ataque dos azuis. O argentino serviu Licá dentro da área, mas a bola saiu muito por cima da baliza de Vlachodimos.

Logo a seguir, o Belenenses SAD esteve a milímetros de conseguir o empate. Licá cruzou rasteiro para a área, Nuno Tavares errou ao cortar a bola, ficando à mercê de Veléz. O jogador do Belenenses SAD, em rotação, rematou rasteiro, a rasar o poste!

Numa altura em que os azuis procuravam o empate, eis que o Benfica consegue chegar ao 0-2. Jogada rápida dos encarnados com Seferovic a tabelar com Chiquinho, este devolve ao suíço que só tem de encostar para o fundo das redes. O lance teve de ser revisto pelo vídeoárbitro, Fábio Veríssimo foi verificar as imagens e anulou o golo aos encarnados por fora de jogo de Pizzi.

Ora, Pizzi esteve em destaque nos minutos anteriores por causa do fora de jogo e voltou a estar aos 92, mas desta vez por marcar o golo. Rafa, que tinha marcado o primeiro golo, conduziu a bola até à grande área, serviu Pizzi e o médio, após a diagonal do colega, encarou Chima e rematou cruzado entre as pernas do seu opositor, impedindo Koffi de ver a bola partir.

A equipa comandada por Bruno Lage passam assim a somar seis pontos, os mesmos que o Famalicão, na tabela classificativa e segue na liderança, enquanto o Belenenses SAD, que empatou em Portimão (0-0), continua em branco e é, para já, o 12.º classificado, com apenas um ponto.

Na próxima jornada, o Benfica recebe no Estádio da Luz o FC Porto, que ainda esta noite defronta no Dragão o Vitória de Setúbal.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.