Cafú, futebolista do Vitória de Guimarães, quinto classificado da I Liga, reiterou hoje que a equipa sabe que o dérbi com o Sporting de Braga, da 23.ª jornada, é "um jogo diferente", embora seja mais um "para ganhar".

O dérbi minhoto de domingo chega numa fase em que ambas as equipas atravessam um bom momento: o Vitória conta já com sete jogos sem perder na I Liga e é quinto, com 32 pontos, ao passo que o Sporting de Braga, quarto, com mais 10, é a melhor equipa da segunda volta, com 13 pontos nos cinco jogos já disputados.

O médio, de 22 anos, mostrou-se, por isso, consciente do elevado grau de dificuldade que o duelo com o rival encerra, mas prometeu "trabalho" e "entrega" de uma equipa que está a par da "responsabilidade" associada ao dérbi e que vai entrar em campo "para ganhar".

"O que eu tenho passado aos meus colegas é que é um jogo diferente. É um clube e uma paixão de uma grandeza enorme. Tanto eu, como o Moreno e o Douglas temos passado isso durante a semana. Eles vão acabar por sentir que é um jogo diferente", vincou.

Por outro lado, o ‘capitão’ vitoriano elogiou a época que os bracarenses estão a realizar, estando ainda em todas as provas, e referiu as dificuldades que o Vitória costuma ter quando joga no reduto do rival, apesar de um dérbi ser "uma oportunidade" para a equipa mostrar o "valor" que tem.

"Sabemos que é um jogo diferente. O Vitória, nos últimos 20 anos, só ganhou lá três vezes. Nunca ganhou no Municipal de Braga. Mas os dérbis não são para se jogar, mas para se ganhar", afirmou.

Cafú revelou também a convicção de que o treinador ‘arsenalista', Paulo Fonseca, vai "encontrar o melhor ‘onze' para defrontar o Vitória", apesar das várias rotações que tem promovido, e de que o adversário não irá acusar desgaste relativo à partida de quinta-feira, para a Liga Europa, com o Sion, da Suíça, que venceu por 2-1.

"Não conto com isso, porque como disse o Rafa ontem [quinta-feira], eles preparam a equipa para cada jogo com os melhores para darem o seu contributo. O cansaço não é uma coisa que se vá refletir", disse.

A equipa de Guimarães conta ainda com alguns jogadores em dúvida para o dérbi, nomeadamente Otávio e Licá, que têm trabalhado condicionados, e Ricardo Valente, que denotou ‘queixas' durante a semana, mas o médio garantiu que o treinador, Sérgio Conceição, já tem "soluções".

"Os jogadores estão a trabalhar à parte, estão a trabalhar condicionados, mas está a ser feita a recuperação para que possam estar bem no dia do jogo. O ‘mister' tem mais três ou quatro soluções para ocupar os lugares de quem falta e, com certeza, vai montar o melhor ‘onze'", assegurou.

O futebolista referiu ainda que será "uma boa motivação" para a equipa poder contar com Sérgio Conceição no banco de suplentes, após a expulsão registada no intervalo do jogo com o Vitória de Setúbal, da jornada anterior.

O Vitória de Guimarães, quinto classificado, com 32 pontos, defronta, no domingo, pelas 20h30, o Sporting de Braga, quarto, com 42, no Estádio Municipal de Braga, em jogo que será arbitrado por Fábio Veríssimo, da associação de Leiria.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.