O jogador do Belenenses Abel Camará foi esfaqueado na noite de sábado, na discoteca Luanda, em Lisboa.

O avançado do clube do Restelo tinha ido sair com uns amigos após o jogo com o Vitória de Guimarães (0-3), mas a festa do jogador durou até às seis da manhã, altura em que se deu o incidente.

De acordo com o jornal A Bola, o jogador terá tentado evitar o roubo do telemóvel da sua cunhada, mas o Belenenses emitiu já esta manhã um comunicado onde declara que "Camará foi vítima de agressão durante o fim de semana, quando tentou defender o seu irmão de agressões que estava a ser alvo". Camará levou então uma facada nas costas e terá agora de parar para recuperar durante algumas semanas.

Paralelamente, o Belenenses anunciou a renovação de contrato com o jogador, independentemente do incidente ocorrido este fim de semana. Porém, não revelou a extensão do novo vínculo. "A renovação do contrato justificou-se pelo profissionalismo e pela qualidade que o jogador demonstrou nos primeiros meses desta temporada, e pelo compromisso do Abel Camará com o Belenenses", refere a nota.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.