Declarações de Carlos Carvalhal, treinador do SC Braga, em conferência de imprensa, após o triunfo sobre o Nacional (2-1), no Estádio da Madeira, da 21.ª jornada da I Liga.

"Gostava de começar por dar um abraço aos familiares e aos amigos do Quintana e também ao FC do Porto. As nossas condolências por parte do grupo de trabalho profissional do Sporting de Braga."

"Podíamos ter logo marcado no primeiro minuto. Fizemos uma primeira parte extraordinária, fantástica. O Nacional não é uma equipa qualquer. Joga bem e eu vejo os jogos quase todos do Nacional e é uma equipa que gosto de ver jogar. É uma equipa difícil de ser batida. Nós estivemos a um nível muito alto e com muito mérito da nossa parte. Fizemos dois golos e, é uma verdade, com erros do guarda-redes do Nacional, mas tivemos, no mínimo, três oportunidades claras de conseguir marcar golos com o nosso mérito também. Podíamos ter sentenciado o jogo logo na primeira parte."

"Evidentemente que esperávamos uma reação do Nacional na segunda parte. Entrámos bem na segunda parte e continuámos a controlar o jogo. O Nacional recolheu um pouco mais no seu meio-campo e tentou sair em transições e apostou numa pressão organizada e forte, para tentar ganhar bolas e sair na transição. Numa dessas situações fomos batidos."

"A partir daí a nossa equipa teve argumentos para se defender bem, pois é uma equipa que também o sabe fazer muito bem. O Matheus apesar das bolas rondarem a baliza não fez uma grande defesa e acabámos por ter uma grande oportunidade, praticamente nos descontos, pelo Vítor, que poderia ter feito o 3-1. Fomos uns justos vencedores, que se ajusta pela diferença mínima, porque o Nacional também fez muito pela vida, principalmente na segunda parte."

"Chegámos à final da Taça da Liga, estamos nas meias finais da Taça de Portugal, chegámos aos 16 avos de final da Liga Europa, onde caímos com uma grande equipa, como é a Roma, e estamos bem posicionados no campeonato."

"Agora vamos fechar o dossier da Liga e abrir o da Taça de Portugal. Temos um jogo já na quarta-feira, ou seja, vamos chegar a casa lá para as 03h00 da manhã, na terça-feira vamos ter uma unidade de treino e na quarta vamos jogar outra vez e isso tem sido a nossa vida."

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.

Ajude-nos a melhorar o SAPO Desporto