Diego Ângelo continua de malas feitas mas sem sair da Naval 1º de Maio. O defesa central rubricou um contrato de cinco anos com o emblema onde actua o português Eduardo, mas os transalpinos querem agora pôr fim ao acordo. Uma recente alteração no calcio permite apenas a inscrição de um jogador extracomunitário por clube e esse é o motivo para a desistência.

Entretanto, o clube da Figueira da Foz e o próprio jogador estudam a possibilidade de expor o caso à FIFA e pedir uma indemnização aos italianos.

Enquanto dura este impasse, surgem notícias de que Benfica e Sporting continuam interessados nos serviços do central.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.