Um grupo de cerca de 250 adeptos do FC Porto foi retido pela Polícia de Segurança Pública nas imediações do Estádio José Alvalade e entrou após o início da partida da oitava jornada da I Liga de futebol.

De acordo com Hugo Abreu, subcomissário da PSP, o motivo de tal decisão das forças de autoridade foi o facto de esses adeptos "não terem bilhete para entrar pela porta correspondente à entrada destinada ao FC Porto".

Assim, o grupo teve de aguardar e foi entrando lentamente, mas já sem poder assistir ao jogo desde o seu início.

Apesar desta situação, a chegada e a entrada dos cerca de 2.500 adeptos portistas no estádio ‘leonino' realizou-se sem grandes problemas.

"Correu tudo dentro da normalidade. A entrada dos adeptos do FC Porto decorreu sem qualquer tipo de incidente. Chegaram por volta das 17:00 à Avenida Padre Cruz em 22 autocarros desde a cidade do Porto e entraram no cordão policial, sendo depois divididos em tranches, através do Corpo de Intervenção", explicou Hugo Abreu à Lusa.

O responsável pela comunicação da PSP no terreno adiantou ainda que até ao início do encontro entre Sporting e FC Porto registou-se apenas a detenção de um adepto. Ao intervalo, o resultado está em ‘branco’.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.