A arbitragem de Duarte Gomes no "clássico" Benfica-FC Porto, da 25.ª jornada da Liga de futebol, valeu-lhe a nota de “muito bom”, segundo o relatório de observação da comissão de arbitragem a que a Agência Lusa teve acesso.

O árbitro Duarte Gomes foi, com a nota 4.0, o melhor classificado da equipa de arbitragem escalonada para o jogo, que deu, no passado domingo, o título ao FC Porto, tendo os assistentes Tiago Trigo e Pedro Garcia recebido a nota 3.5, ou seja “bom”, enquanto Paulo Batista, quarto árbitro do encontro, ficou-se por um “satisfatório” 3.3.

Segundo o relatório de observação, «o árbitro teve um desempenho muito bom, com duas decisões cruciais de índole técnica, que tiveram influência positiva na evolução do jogo e no resultado».

Para o observador do jogo, Duarte Gomes «assinalou bem as duas grandes penalidades», numa partida caracterizada «pelas muitas dificuldades com que a equipa de arbitragem foi confrontada nas diversas vertentes... No âmbito disciplinar também as dificuldades foram acrescidas face ao comportamento dos jogadores e que se vieram a traduzir em 11 cartões amarelos e dois vermelhos».

Segundo o observador do Benfica-FC Porto, o árbitro Duarte Gomes apenas não esteve bem ao interromper um lance de contra-ataque conduzido por Saviola, jogador que na sua opinião foi derrubado pelo “portista” Otamendi.

«O árbitro interrompeu a jogada indevidamente, para assinalar a falta e avisar verbalmente o jogador infractor, contrariando assim o espírito da lei da vantagem», pode ler-se.

Assim, o observador Fernando Mateus entende que Otamendi «entrou de forma imprudente sobre o adversário, pelo que deveria ter sido advertido, através da exibição do cartão amarelo, o que não aconteceu».

Na análise do observador do "clássico", Duarte Gomes «demonstrou uma personalidade forte, assumindo decisões difíceis sem se deixar influenciar... pelo ambiente», num jogo em que a generalidade da comunicação social avaliou de forma muito negativa o trabalho do árbitro, bem como o FC Porto, que, pelo treinador André Villas-Boas, expressou o seu descontentamento.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.