O Rio Ave contestou hoje a decisão da Federação Portuguesa de Futebol (FPF) de não ter concedido ao clube a licença necessária para participar nas competições da UEFA, apesar de não se ter qualificado para qualquer uma.

Segundo o comunicado difundido através do seu sítio na Internet, o Rio Ave foi informado pelo Órgão de Gestão de Licenciamento da FPF de que não estaria em condições de receber a licença para a participação em competições da UEFA na época desportiva 2011/2012.

Apesar de não se ter qualificado para qualquer competição europeia, o Rio Ave pondera, segundo o mesmo documento, recorrer da decisão da FPF para o Tribunal Administrativo e Fiscal.

Em desacordo com essa decisão, o clube refere as razões que lhe foram apresentadas: que o treinador adjunto e coordenador técnico de formação, Augusto Gama, teria de estar reconhecido pela FPF, apesar de o estar pela Liga; e que não cumpriu os requisitos exigidos nas demonstrações financeiras intermédias do período intermédio.

«Se Augusto Gama está reconhecido pela Liga, não serve o documento para o reconhecer na Federação?», questiona António Silva Campos, presidente do clube de Vila do Conde, que assina o comunicado.

O dirigente também não compreende a outra justificação federativa: «Se o clube fez entrega das demonstrações financeiras globais e intermédias, como se entende faltarem as intermédias do período intermédio?».

O comunicado explica que o Rio Ave FC se inscreveu, em Dezembro passado, nas provas da UEFA, cumprindo todos os requisitos legais e pagando a verba da pré-inscrição no montante de 2.500 euros.

A seguir, clarificou que o técnico Augusto Gama estava devidamente licenciado na Liga Portuguesa de Futebol Profissional, «o que naturalmente o avaliza perante FPF».

Ainda segundo o comunicado, «foram entregues, posteriormente, todas as demonstrações financeiras globais e intermédias solicitadas» e «considerou-se que o processo, preparado nos serviços jurídicos e administrativos do clube, estava absolutamente em ordem».

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.