A história dos dérbis entre Benfica e Sporting também se fez com os nomes que mais fizeram os adeptos gritar golo. Desde Peyroteo a Eusébio, passando por nomes como Óscar Cardozo, Liedson, Luisão ou Bryan Ruiz, muitos são os nomes que deixaram a sua marca na lista de marcadores dos jogos entre os dois rivais.

No topo da lista está Fernando Peyroteo. O avançado do Sporting, que representou os 'leões' entre 1937 e 1950, foi o jogador que participou em mais dérbis, contando com 45 presenças neste tipo de jogos, contabilizando 48 golos apontados.

Logo a seguir surge Eusébio. O avançado do Benfica, que representou as 'águias' entre 1960 e 1974, conta com a presença em 29 dérbis e marcou por 27 vezes.

A fechar o top-3 está Alfredo Valadas, o maior goleador a ter representado Benfica e Sporting. O avançado participou em 43 dérbis e marcou por 27 vezes.

Existem jogadores que deixaram a sua marca com as cores 'encarnadas' e 'verde e brancas'

Já falámos de Alfredo Valadas, o jogador que representou Benfica e Sporting e integrou a lista de marcadores em jogos entre estes rivais. Mas este não é caso único.

Jordão, jogador que também representou 'águias' e 'leões', conta com 30 dérbis na sua carreira e com 15 golos marcados.

Também João Vieira Pinto vestiu as cores dos rivais da Segunda Circular, estando presente em 25 dérbis e contabilizando oito golos marcados.

Jogadores estrangeiros deixam a sua marca em dérbis

Se tivermos em conta os jogadores estrangeiros que marcaram em dérbis, a lista é liderada por Óscar Cardozo. O avançado paraguaio, que representou as cores do Benfica entre 2007 e 2014, esteve presente em 19 dérbis e fez o gosto ao pé por 13 vezes.

Em segundo lugar surge Liedson. O avançado brasileiro representou o Sporting entre 2003 e 2010, tendo participado em 17 dérbis e marcou onze golos.

A fechar o top 3 surge Yazalde. O avançado argentino do Sporting representou o Sportinge entre 1971 e 1975, participou em nove dérbis e fez cinco golos.

Ainda existem jogadores no ativo que também fizeram o gosto ao pé

Para além de Óscar Cardozo, que continua a jogar atualmente, existem outros jogadores que também deixaram a sua marca em dérbis e já não se encontram no plantel de Benfica ou Sporting.

Islam Slimani, avançado argelino que representa o Leicester City e que esteve no Sporting entre 2013 e 2016, participou em oito dérbis e conta com quatro golos marcados.

José Antonio Reyes, que está atualmente sem clube, participou em três dérbis e conta com três golos marcados.

Melhor marcador do Benfica atualmente no clube é... um defesa

Se tivermos em conta os jogadores que se encontram atualmente no plantel de Benfica e Sporting, é possível perceber que o maior goleador é mesmo... um defesa.

Luisão, o capitão da equipa encarnada, é o melhor marcador em dérbis atualmente no plantel de uma das equipas. O central brasileiro conta com 27 jogos disputados e quatro golos marcados.

Em segundo lugar, surge Toto Salvio. O extremo argentino participou em dez dérbis e marcou três golos.

A fechar o pódio está Bryan Ruiz. O médio costa-riquenho já esteve presente em seis dérbis, contabilizando um golo marcado.

Se tivermos em conta mais jogadores que se encontram nos dois plantéis, surge também Bas Dost, Jardel e Raúl Jiménez.

O avançado holandês do Sporting contabiliza dois dérbis disputados e um golo marcado, enquanto que o central brasileiro do Benfica tem dez dérbis disputados e o mesmo golo apontado.

Por fim, o avançado mexicano do Benfica conta com cinco presenças em jogos entre 'encarnados' e 'leões' e com um tento apontado.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.