Raúl de Tomás já não deverá escapar ao Benfica. O jornal A Bola escreve este sábado na edição impressa que o clube da Luz chegou a um princípio de acordo com o jogador, depois de já o ter conseguido também com o Real Madrid.

De acordo com a mesma fonte, as duas partes chegaram a um entendimento em relação aos valores do salário do futebolista, com os encarnados a chegarem mais perto das exigências do jogador.

O avançado, que marcou 38 golos em 66 jogos nas duas últimas temporadas pelo Rayo Vallecano, que representou por empréstimo do Real Madrid, pedia um salário anual de dois milhões de euros líquidos, mas os encarnados ofereciam 1,5 milhões. O Benfica, porém, acabou por fazer esse esforço financeiro, chegando aos tais dois milhões.

O acordo com o Real Madrid, recorde-se, já tinha ficado fechado por 20 milhões de euros, valor acordado aquando da ida de Luís Filipe Vieira a Madrid.

A mesma fonte adianta que o avançado de 24 anos poderá chegar a Lisboa a qualquer momento para cumprir formalidades, assinando contrato por cinco temporadas que terá uma cláusula de rescisão nunca inferior a 60 milhões de euros.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.