Marcos Braz, vice-presidente do Flamengo, revelou que o Benfica manifestou, efetivamente, interesse em contratar jogadores como Gerson e Bruno Henrique ao clube carioca depois de ter garantido o regresso de Jorge Jesus, mas congratulou-se com o facto de os 'encarnados' não terem, depois, concretizado esse interesse.

"O presidente do Benfica sabia que estava a levar um treinador com contrato com um clube do tamanho do Flamengo. Foram eles mesmos a esfriarem, depois, o interesse nos nossos jogadores, para que não houvesse maior atrito ou qualquer outro tipo de problema entre os dois clubes. Houve bom senso", disse Marcos Braz no programa 'Eu e Benja', no canal televisivo brasileiro SBT.

Ainda assim, o dirigente reconheceu que não estava à espera que Jesus deixasse o clube, sobretudo depois de este ter renovado o vínculo que o ligava ao Flamengo. "Achámos que isso estaria ultrapassado", referiu.

Ainda assim, Marcos Braz não fecha a porta a um eventual regresso de Jorge Jesus ao clube, no futuro. "Fazer essa contratação de novo é natural. Ele teve uma sequência maravilhosa de títulos aqui. Mas tudo na vida tem o seu tempo. Por enquanto, faz parte de um bom passado", rematou.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.