Num domingo em que os três grandes jogaram, o FC Porto iniciou a defesa do título de campeão nacional de futebol com um triunfo por 3-1 no terreno do Vitória de Setúbal, em jogo da jornada inaugural da I Liga de futebol.
No Estádio do Bonfim, Rafael Martins colocou o Vitória em vantagem (13 minutos), mas o FC Porto empatou na segunda parte, com um golo de Josué (49), de grande penalidade, na sequência da qual o guarda-redes Kieszek foi expulso, e deu a volta ao marcador por intermédio de Quintero (61), antes de Jackson fechar a contagem (88).
Num duelo de tradições, o Marítimo foi mais forte que o Benfica e derrotou a tradição de não ganhar aos encarnados. Com um triunfo por 2-1 no Estádio dos Barreiros, os maritimistas colocaram um ponto final no jejum de 11 anos sem vitórias sobre o clube da Luz no seu reduto, com golos de Derley e Sami. Rodrigo faturou pelo clube da Luz.
O Benfica mostrou-se mais fiel à sua tradição negativa e cumpriu assim a sua nona época seguida sem vencer na jornada inaugural do campeonato. Jorge Jesus continua sob fogo.
Já o Sporting de Leonardo Jardim entrou da melhor forma na época 2013/2014 com uma goleada frente ao Arouca por 5-1. Os visitantes inauguraram o marcador por Bruno Amaro, mas Maurício, Wilson Eduardo e três golos de Fredy Montero construíram a vitória sólida do Sporting.
Com este resultado, o Sporting somou os primeiros três pontos, garantindo a liderança do campeonato com o melhor resultado da jornada.
Destaque ainda para o SC Braga na abertura da I Liga 2013/20134, que venceu o Paços de Ferreira por 2-0. Recorde-se que os Castores disputam esta terça-feira a primeira mão do play-off da Liga dos Campeões.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.