Petit, treinador do Belenenses SAD, foi castigado pelo Conselho de Disciplina da Federação Portuguesa de Futebol com 15 dias de suspensão e uma multa de 2805 euros devido aos insultos dirigidos aos árbitros do encontro frente ao Paços de Ferreira, na última sexta-feira.

O castigo pode impedir o treinador de regressar ao banco até final do campeonato, quando falta defrontar Portimonense, Tondela, Santa Clara e FC Porto, mas fonte oficial do Belenenses SAD confirmou à Lusa o recurso da decisão.

O técnico dos azuis foi castigado por "lesão da honra e da reputação" depois dos protestos e das palavras dirigidas à equipa de arbitragem nos últimos minutos do jogo na Capital do Móvel.

"Saiu deliberadamente da área técnica, até ao meio-campo, para protestar com a
equipa de arbitragem, dizendo 'Ele vai meter o braço onde cara***? Isto é uma vergonha. É uma vergonha. Este árbitro é muito fraco, é o pior da primeira liga.' Após o árbitro exibir o cartão vermelho, o treinador dirigiu as seguintes palavras
ao árbitro: "És uma vergonha como árbitro'", lê-se no relatório de Gustavo Correia, árbitro da partida.

Na saída para os balneários, Petit também dirigiu palavras a um dos árbitros assistentes, dizendo que "É o pior árbitro da Primeira Liga".

O Belenenses SAD, 11.º classificado, e o Portimonense, 10.º, ambos com 34 pontos, defrontam-se no Estádio Nacional, em Oeiras, para a 31.ª jornada da I Liga de futebol, na quinta-feira, às 17:00, com arbitragem de Manuel Mota, da associação de Braga.

*Artigo atualizado às 21h50

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.