O médio argentino, Luis Fariña, foi contratado esta época pelo Benfica, treinou uma semana às ordens de Jorge Jesus, e foi emprestado ao Baniyas, clube do Dubai. O jogador de 22 anos revela esta sexta-feira que não esperava ser emprestado e afirma desconhecer as razões que levaram o Benfica a cedê-lo quando confrontado com a falta de lugar no plantel.

«Na verdade, não sei. Estive uma semana e meia a treinar, trabalhei com bola durante três dias e depois o técnico não teve a chance de ver-me e conhecer-me bem. Não sei o que falaram, mas surgiu a hipótese de ir para os Emirados e o Benfica gostou», afirmou o jogador do Benfica ao diário O Jogo.

Apesar da curta estadia no Benfica, Fariña elogia Jorge Jesus e espera regressar em breve.

O jogador conta de resto que, com Jorge Jesus, tudo estava a correr bem: «Desde o início que conversava muito comigo e dava-me conselhos. Disse-me coisas que me fizeram pensar e aprender. Depois, não sei como surgiu esta possibilidade de ir para os Emirados, e acabei por sair.»

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.