O FC Porto não poupa nas críticas ao presidente do Conselho de Arbitragem da FPF, Vítor Pereira, pelas críticas à aprovação do sistema de sorteio dos árbitros para a nova época.

Depois de Vítor Pereira ter assumido a sua oposição à alteração ao sistema de nomeações que estava em vigor, e que terá ainda de ser ratificada na Assembeia Geral da FPF, o clube azul e branco reagiu através da publicação Dragões Diário. "O presidente do Conselho de Arbitragem disse ontem [sábado] numa entrevista que não se demite, o que por si só já não é uma boa notícia. Lamentável é também a demagogia de 25.ª hora quando diz, por exemplo, que vai propor que se tornem públicos os relatórios dos observadores e o grau de dificuldade atribuído a cada jogo. Ou quando acrescenta um conceito inédito de técnicos de arbitragem ´visionadores´ dos jogos pela televisão, quando não parece provável que venha a ter acesso a imagens de todos eles", refere a newsletter portista.

"Vítor Pereira diz que há quem queira controlar a arbitragem, mas esquece-se que a maioria dos clubes votou a favor do sorteio dos árbitros, porque não tem confiança em que os nomeia, que é ele. O poeta é um fingidor, escreveu Fernando Pessoa, mas não são só os poetas", acrescentaram os dragões.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.