A partir da próxima segunda-feira vai ser possível aos adeptos do FC Porto começarem a adquirir um lugar anual no Estádio do Dragão, ou seja, os denominado 'bilhetes de época'. Os Dragões vaão colocar à venda 10.000 bilhetes de época para sócios, sendo o primeiro dos três ‘grandes’ a retomar esta prática, interrompida devido à pandemia de COVID-19.

A informação foi comunicada esta quarta-feira pelo clube azul e branco, que acrescentou que o referido pacote inclui acesso a todos os jogos em casa na I Liga ainda por disputar até ao final da época 21/22, bem como as partidas em casa da fases de grupos da Liga dos Campeões e o encontro em casa para a Taça da Liga. Ao todo, o 'bilhete de época' dos 'dragões' inclui 18 jogos

O FC Porto informou ainda que à venda serão colocados, nesta fase, 10 mil bilhetes de época, face às limitações de lotação impostas pela pandemia da COVID-19, que restringe atualmente a 50% a lotação dos recintos desportivos. Os 'azuis e brancos' esclareceram também que numa primeira fase a venda será exclusiva a adeptos que tenham sido detentores de Lugar Anual de forma ininterrupta desde 2009/10.

No comunicado emitido nas suas plataformas digitais, o FC Porto esclarece igualmente que quem adquirir o bilhete de época esta temporada terá de escolher um novo lugar nas bancadas, dada a lotação limitada do Estádio. Caso venha, entretanto, a ser permitido que o Estádio do Dragão volte a contar com 100% da lotação preenchida, na próxima época os sócios voltarão a ter preferência pelo lugar que detinham em 2019/20, esclarecem ainda os vice-campeões nacionais.

O FC Porto lembra ainda que, em virtude da situação pandémica, o Bilhete de Época será pessoal e intransmissível e que o acesso ao Estádio do Dragão não dispensa o cumprimento das normas em vigor para os restantes espectadores à data do encontro.

Os preços, para as diferentes bancadas, variam entre os 140 e os 335 euros.

Neste momento, os estádios podem contar com um máximo de 50% da lotação, face à pandemia de covid-19, o que, no caso do FC Porto, corresponde a cerca de 25.000 adeptos.

A propagação do novo coronavírus obrigou à realização de jogos à porta fechada durante mais de um ano, desde maio de 2020, sendo que no arranque desta época foi autorizada a ocupação de 33% dos recintos desportivos.

Entretanto, no final de agosto, a Direção-Geral da Saúde (DGS) aumentou a taxa de ocupação para 50%.

*Artigo atualizado

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.

Ajude-nos a melhorar o SAPO Desporto