Na história dos confrontos entre as duas equipas na Supertaça, o nome de Diamantino Miranda acaba por ser histórico, porque foi dele o golo que na competição de 1984/85 deu o único troféu ao Benfica, em finais frente ao FC Porto.

De resto, domínio total dos “dragões”, com nove das suas 16 Supertaças (em 31 edições) a serem conquistadas frente ao Benfica.

A última vez que os dois conjuntos se encontraram foi em 2003/04, com Ricardo Quaresma, acabado de chegar aos “azuis e brancos”, a dar o triunfo ao FC Porto, vindo da conquista da Liga dos Campeões.

Em quatro ocasiões e numa altura em que a Supertaça era disputada a duas mãos, foi preciso recorrer a finalíssimas, com o empate a persistir em dois encontros, que acabaram por ser decididos na marcação de grandes penalidades, ambas favoráveis aos “dragões”, por 4-3.

O mais expressivo triunfo do FC Porto no terreno do rival aconteceu na Supertaça, na segunda mão da final de 1995/96, com os portistas a golearem na Luz, por 5-0, naquele que é o mais desnivelado resultado em finais entre as duas equipas, a par com o triunfo do Benfica na final da Taça de 1952/53.

Os dois gigantes do futebol luso vão disputar, em Aveiro, a 22.ª final entre ambos, com o Benfica a levar ligeiro avanço sobre o FC Porto, pois tem mais um triunfo que os adversários, vantagem alcançada na final da Taça da Liga da última temporada, que os “encarnados” venceram por 3-0.

Se os “dragões” dominam na Supertaça, são os “encarnados” que “reinam” nas finais da Taça, com oito triunfos contra um do rival da Invicta, que apenas venceu em 1957/58.

Pertence, no entanto, ao extinto Campeonato de Portugal a primeiríssima final entre Benfica e FC Porto, na época de 1930/31, com a equipa "encarnada" a vencer em Coimbra por 3-0.

No acumulado das 21 finais (e 35 jogos) entre os dois emblemas marcaram-se 81 golos, numa média de 2,31 golos por jogo.

Os “dragões” mostraram, naturalmente, o seu poder na Supertaça (31 golos contra 16), enquanto as "águias" redimem-se na Taça de Portugal (22 contra seis) e somam mais três na final do Campeonato de Portugal e outros tantos na final da Taça da Liga.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.