O FC Porto recorreu ao Conselho de Disciplina da Federação Portuguesa de Futebol para pedir a despenalização de Alex Telles, que viu dois cartões amarelos no jogo frente ao Marítimo e fica assim de fora por castigo para o jogo da próxima jornada frente ao Desportivo das Aves.

Segundo o jornal 'A Bola', o argumento usado pelos dragões está relacionado com o segundo cartão amarelo que o defesa 'azul-e-branco' viu na partida. Segundo o FC Porto antes de Alex Telles ter cometido a falta sobre Edgar Costa no minuto 85, o jogador portista terá sido atingido no pé direito pelo jogador dos madeirenses.

De acordo com o matutino, para o argumento ser acerte, o árbitro da partida, Tiago Martins terá de admitir que não visualizou o lance na sua totalidade quando for ouvido pelo Conselho de Disciplina.

*Artigo corrigido às 10h12

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.