“É bom que isso aconteça, desde que os clubes se entendam e se as leis do mercado funcionarem. Este entendimento permite que os clubes salvaguardem os seus interesses e melhorem as suas capacidades competitivas”, afirmou Fernando Gomes, esta segunda-feira, no sorteio do calendário para a nova época de futebol profissional português, no Porto.

O presidente da LPFP desvalorizou ainda a ausência de vários presidentes de clubes, entre os quais Sporting, Benfica e FC Porto.

 “Obviamente que desejaria ter um maior número (de presidentes), mas sabemos que, neste momento, há várias condicionantes, como a agitação do mercado”, sublinhou.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.