António Folha não está muito preocupado com a situação do Portimonense, que não ganha há quatro jogos. Na zona de entrevistas rápidas à Sport TV, logo a seguir a derrota com o FC Porto, o técnico sublinhou que mantém a confiança na equipa para conseguir a manutenção o quanto antes.

Análise ao jogo: "Acho que não fizemos um jogo para ser tão penalizador o resultado. Acho que a equipa esteve bem e discutimos o jogo até determinada altura. Estou contente com a prestação dos jogadores, acho que deram uma boa resposta. Não tivemos tantas oportunidades como costumámos ter em casa, mas foi mais um jogo, passou, faltam cinco finais".

Defesa a cinco no Dragão, hoje com quatro: "Agora mantivemos a coerência e jogámos como temos vindo a jogar. Já jogámos assim há muito tempo, só em Guimarães é que tivemos de alterar porque tivemos a ausência de uns jogadores. Fizemos aquilo que era normal e achamos que assim tínhamos hipótese de ter um bom resultado. Não foi o que queríamos, mas temos de levantar a cabeça e continuar a lutar".

Três derrotas seguidas retiram confiança? "Confiança no nosso dia-a-dia. Porque o nosso dia-a-dia é que tem de ser a nossa confiança para dar a volta a esta situação. Acho que seis ou sete equipas queriam trocar de posição com o Portimonense. Continuamos tranquilos e serenos e no final vamos conseguir atingir o nosso objetivo, que é a manutenção".

O FC Porto isolou-se hoje provisoriamente na liderança da I Liga portuguesa de futebol, ao vencer no terreno do Portimonense, por 3-0, em jogo da 29.ª jornada, ficando a aguardar o resultado do Benfica.

O argelino Brahimi, aos 15 minutos, o maliano Marega, aos 73, e o mexicano Herrera, aos 90+3, marcaram os golos do campeão nacional em Portimão, onde os 'dragões' somaram a quinta vitória seguida no campeonato, o que lhes permite passarem a contabilizar 72 pontos, mais três do que os 'encarnados'.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.