O Benfica já arrecadou mais de 1300 milhões de euros em vendas de jogadores, desde o início do século, se contarmos com todas as transferências cima de um milhão de euros, de acordo com contas do jornal 'A Bola'.

O primeiro a sair foi Nuno Gomes, em 2000/01, para a Fiorentina, por três milhões de contos na moeda antiga, qualquer coisa como 17 milhões de euros, na mesma época que a Lázio deu 2,5 milhões de euros por Poborsky.

De lá para cá, o clube foi aumentando a exportação de talento. A venda de Darwin Núñez esta semana é a segunda mais cara de sempre do Benfica e também de Portugal, apenas superado pelos 126 milhões de euros pagos pelo Atlético Madrid por João Félix.

Darwin tornou-se no 37.º jogador vendido pelo Benfica neste século por valores de dois dígitos.

Fotos: Estas foram as principais vendas do Benfica

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.