“Há umas semanas apelei para que os sócios não se esquecessem do seu dever de cuidar do Sporting. E hoje fizeram-no, deram a sua opinião e votaram. Jamais pode haver Sporting sem união. A não aprovação dos relatórios seria uma dano para a instituição e os sócios perceberam a sensibilidade do momento”, disse Frederico Varandas.

O presidente leonino agradeceu a participação dos sócios e lembrou que “foi a Assembleia Geral mais participada da história para aprovação de contas” do clube.

“É uma aprovação esmagadora, mas não nos faz perder o contacto com o planeta terra ou alterar o que quer que seja. Vamos continuar a trabalhar para ter um Sporting digno, com valores, corajoso e vencedor”, concluiu o líder ‘verde e branco’.

Os relatórios e contas do Sporting relativos às épocas 2019/2020 e 2020/2021 foram hoje aprovados em Assembleia-Geral extraordinária, depois de não terem sido votados favoravelmente em assembleias anteriores.

De acordo com informações fornecidas pelo clube leonino, o relatório e contas da época 2019/2020 foi aprovado com 83,94% dos votos dos 6993 sócios que foram às urnas.

Já o relatório da época 2020/2021, votado por 7009 sócios, teve aprovação garantida com 84,50% dos votos.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.