Na noite em que o FC Porto venceu em casa o Vitória de Setúbal por 3-0, em jogo da quarta jornada da I Liga, Vítor Pereira fez questão, sem que ninguém lhe perguntasse durante a conferência de imprensa, de elogiar a atitude «humilde» de Hulk.

«O Hulk é um craque da cabeça aos pés. É um craque do sacrifício, que não tem problema em sentar-se no banco de suplentes. Ele produz muito nos jogos e dá-nos muito em termos de grupo. É um líder nas ações e na humildade e eu estou-lhe agradecido, todos nós estamos agradecidos», revelou o técnico portista, esta sexta-feira, em conferência de imprensa.

Hulk lesionou-se na passada terça-feira, na vitória do FC Porto por 5-2 sobre a União de Leiria, e foi por isso que o técnico dos azuis e brancos optou por não colocar o brasileiro desde o início.

«Achámos por bem poupar o Hulk, não lhe dando o tempo total de jogo. A partir de determinada altura, achámos que o jogo estava bom para ele. Poupámo-lo a pensar no jogo de terça-feira [Liga dos Campeões], mas achámos que aquele era o momento em que ele nos podia dar mais», acrescentou.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.