Depois de se ter mostrado contra o Vitesse como um dos melhores em campo, Jesús Corona parece ter encontrado a sua melhor forma. No treino intensivo de movimentos ofensivos, o internacional mexicano esteve em grande forma ao marcar golos e fazer assistências.

De acordo com o jornal ‘O Jogo’, Corona estava de pontaria muito bem afinada nos 45 minutos abertos à comunicação social e puxou muitos elogios do adjunto de Nuno Espírito Santo, Rui Silva. No reverso da medalha esteve Aboubakar. O avançado camaronês não esteve nos melhores dias e demorou até conseguir faturar pela primeira vez.

No setor defensivo, Casillas e Alex Telles foram os ‘dragões’ que melhor estiveram no treino. O guardião espanhol melhorou bastante as saídas à bola, um dos pontos em que esteve mal no jogo contra o Vitesse.

Em relação ao brasileiro, Alex Telles mostrou bons apontamentos nos cruzamentos e até tentou fazer golos.
André Silva não fez parte do treino da vertente ofensiva. O jovem avançado dos azuis e brancos esteve a fazer gestão de esforço antes do jogo com o Bayer Leverkusen.

O FC Porto joga esta quarta-feira o último jogo do estágio na Alemanha. Frente ao Bayer Leverkusen, terceiro classificado da Liga alemã, a equipa de Nuno Espírito Santo vai ter o desafio mais complicado da pré-temporada.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.