“Os jogadores do Benfica fizeram mais uma vez um jogo inteligente. Face aos resultados dos nossos rivais, sabíamos que era importante manter a vantagem de seis pontos, mas acima de tudo importava não perder, pois temos capacidade para gerir a vantagem na classificação nas quatro jornadas que faltam, por isso demos mais um passo em frente” disse o técnico encarnado na “flash interview” da SportTv.

Em relação à diferença das equipas da primeira para a segunda parte, Jorge Jesus considerou que a entrada de Aimar foi determinante para a vitória mas considerou que o Sporting não demonstrou a mesma qualidade de jogo da primeira parte no segundo tempo.

“A entrada do Aimar foi determinante, mas o Sporting também não foi a mesma equipa na segunda parte. A sua primeira linha defensiva durante a primeira parte foi muito agressiva, não deixando o Benfica construir como está habituado. Tivemos dificuldades em passar a primeira linha defensiva do Sporting, mas sabíamos que, face à qualidade dos nossos jogadores, se colocássemos o adversário a correr defensivamente, não conseguiriam manter esse ritmo na segunda parte. Por isso, dominámos praticamente até chegarmos ao 2-0.”

Com a vitória sobre o Sporting, o SL Benfica fica a sete pontos do título e Jorge Jesus considera que ainda nada está decidido.

“ O Sp. Braga está forte, acredita que ainda pode chegar ao primeiro lugar e que pode defender o segundo, por isso está muito motivado. Está tudo em aberto, pois ainda vamos ter jogos complicados. Estamos preparados para sofrer, tal como aconteceu hoje, pois o Sporting foi melhor em alguns momentos.”

Sobre a possibilidade de fazer a festa do título no Estádio do Dragão, o treinador do SL Benfica afirma que há que respeitar os adversários e que a equipa encarnada ainda tem de lutar muito para atingir o grande objectivo.

“Desde o primeiro dia de trabalho que o nosso grande objectivo é sermos primeiros no campeonato. Não importa se será com dois ou sete pontos, mas sim chegar ao fim e sermos campeões. Respeitamos os nossos adversários e não temos interesse na ideia de irmos jogar ao Dragão para sermos campeões antecipados. Vamos, isso sim, lutar até ao fim, pois sabemos que ainda vamos encontrar muitas dificuldades e teremos muito para sofrer.”

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.