José Eduardo Moniz é sócio do Benfica e esteve perto de ser candidato às eleições do clube encarnado no último sufrágio.

O notável do clube da Luz diz-se desiludido com esta temporada que terminará apenas com a conquista da Taça da Liga.

«Todos os sócios do Benfica esperavam muito mais nesta temporada, infelizmente isso não aconteceu. Agora é cerrar fileiras e andar em frente. Houve várias coisas que falharam. Porém, não gosto de começar a esquartejar cadáveres quando eles ainda estão quentes», adiantou José Eduardo Moniz, em declarações à margem do Estoril Open.

O sócio dos encarnados referiu que o apuramento para «os quartos de final da Liga dos Campeões» nem de prémio de consolação serve e deixou algumas críticas à prestação de Jorge Jesus.

«Podia-se ter ganho o campeonato e não se ganhou, podia-se ter tido uma performance diferente na taça e não se teve. O facto de se ter chegado aos quartos de final nem de prémio de consolação serve. Acho que é hora de parar para pensar e tirar conclusões. O Jesus é um bom treinador, mas que se deslumbra muito com ele próprio. Entusiasma-se muito com o futebol que a equipa pratica e descura a retaguarda», atirou.

Contudo, José Eduardo Moniz considera que o treinador poderá aprender com os erros e continuar no clube, visto que tem mais um ano de contrato.

«Se ele refletir sobre isso, se reconhecer alguns erros pode aprender com isso. Eu não sou de condenar as pessoas à priori. Ele já teve duas oportunidades e costuma-se dizer que não há duas sem três», concluiu.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.