As duras palavras de Jorge Jesus para com Rui Vitória não ficaram sem resposta. Alguns notáveis do Benfica já reagiram às críticas do antigo técnico "encarnado" ao seu homólogo, reprovando a atitude de Jesus. Um deles foi António Figueiredo, antigo dirigente do Benfica.

"Ele [Jesus] conduziu o Ferrari e despistou-o três vezes, noutras três lá conseguiu, titubeante, chegar à meta. Agora está a espremer o Fiat a ver se consegue chegar em primeiro", disse o antigo dirigente do Benfica à rádio TSF.

António Figueiredo sublinhou que Rui Vitória saberá dar "o devido valo" às declarações" mas reconhece que Jesus "não quis ofender" o técnico do Benfica.

"Foi só uma provocação, a exemplo do presidente do Sporting que só fala e pensa no Benfica. Jesus vai no engodo vai continuar a provocar o Benfica. Esquecem-se é que o Benfica é superior a tudo isso. Acho que o Benfica deve continuar a remeter-se ao silêncio, são coisas idiotas que não merecem resposta", declarou António Figueiredo, que vê com agrado o aproximar das águias dos lugares da frente.

"O Benfica está na corrida pelo título, está tudo em aberto. Ainda falta toda a segunda volta e quatro pontos é muito pouco para atirar a toalha ao chão", atirou.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.