Joe Berardo admitiu hoje que está conformado com a manutenção de Jorge Jesus no Benfica, por ter sido uma decisão do presidente do clube, mas não compreende como foi possível o clube perder competições num curto espaço de tempo.

«Um treinador já não é mau quando leva um clube a três finais. Mas para mim não chega. Como benfiquista fico triste porque perdemos pelo menos duas já depois da hora», disse.

«Fizessem uma barragem na baliza. Há coisas que não fazem sentido», acrescentou, deixando claro que ainda não esqueceu as derrotas com o FC Porto no campeonato, com o Chelsea, na final da Liga Europa, nos últimos minutos de jogo, bem como a derrota frente ao Vitória de Guimarães, na final da Taça de Portugal.

O comendador afirmou, no entanto, que aceita a decisão do presidente do clube, Luís Filipe Vieira, a quem atribuiu o mérito pela recuperação da credibilidade do Benfica.

«Respeito o Luís Filipe Vieira, que devolveu a credibilidade financeira e institucional ao Benfica. Temos é que apoiar as decisões de quem está liderar», disse.

«E espero que este ano haja justiça para que o Benfica ganhe com o devido respeito», concluiu.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.