A passagem de Gabriel Barbosa pelo Benfica foi efémera e saldou-se com apenas um golo ao serviço dos 'encarnados'. No entanto, Jonas, melhor marcador do campeonato português, elogiou o comportamento do avançado brasileiro cedido pelo Inter aos 'encarnados' e explicou algumas das razões que levaram o jogador a ter dificuldades em lutar por um lugar na equipa de Rui Vitória.

Em declarações ao Esporte Interativo, Jonas revelou que Gabriel Barbosa era um dos primeiros a chegar aos treinos e que foi apenas uma questão tática o facto de não ter jogado mais na Luz.

"O nosso treinador optava por pô-lo a extremo-direito e aqui eles têm de ir [à frente] e voltar. Por vezes, para defender um pouco, ele não tinha tanto essas características que o nosso treinador gosta", revela Jonas.

"É um jogador com técnica e muita força e era um dos primeiros a chegar às instalações do clube e um dos últimos a sair, como eu e o Luisão", acrescentou.

Gabriel Barbosa, de resto, tem estado ao mais alto nível no Santos, onde está cedido, com quatro golos em quatro jogos.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.