Luís Filipe Vieira está em Inglaterra a ultimar os últimos detalhes da venda de Gonçalo Guedes. De acordo com o jornal Record, o presidente do Benfica fez-se acompanhar por Jorge Mendes para acelerar o processo da transferência do avançado num negócio que pode trazer 30 milhões de euros para os cofres ‘encarnados’.

O diário português avançar que o Arsenal é um dos principais candidatos a receber o português face à possível saída de Alex Oxlade-Chamberlain para o Manchester City. No entanto, o interesse em Gonçalo Guedes não se resume apenas ao clube londrino com o Manchester United a ser outro dos clubes que tem o avançado referenciado.

A possível transferência de Gonçalo Guedes tem sido umas das ‘novelas’ do mercado de transferências. O avançado luso é um dos jogadores mais cobiçados com o Valência a ser, durante muito tempo, apontado como favorito. No entanto, o mercado inglês ter-se-á intrometido na contratação de Gonçalo Guedes.

Apesar da prioridade ser o camisola 20, Nélson Semedo também é um hipótese de estar em negociação. No entanto, a venda do defesa direito aumenta as dificuldades em gerir a sua substituição. Enquanto há muitas opções para o lugar de Gonçalo Guedes, Nélson Semedo apenas tem a concorrência de André Almeida (médio que foi adaptado a defesa direito).

Gonçalo Guedes tem um contrato válido com o Benfica até 2021. O jogador da formação ‘encarnada’ está blindado com uma cláusula de rescisão de 60 milhões de euros, mas o clube da Luz admite vender o jogador abaixo desse valor. O preço exigido mantém-se nos 30 milhões de euros.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.