O diretor desportivo do Belenenses José Luís revelou hoje ter recusado o convite que lhe foi endereçado pelo treinador do Sporting Jorge Jesus, para assumir o mesmo cargo nos ‘leões’, embora admitindo que ficou "dividido".

Na sua página oficial no Facebook, o responsável pelo futebol dos ‘azuis' confirmou as notícias que foram divulgadas na quinta-feira, mostrando-se "honrado e orgulhoso" perante a proposta endereçada por um "treinador de qualidade inegável" e "amigo de longa data", com o qual trabalhou no Estrela da Amadora.

José Luís, que assumiu o cargo de diretor desportivo do Belenenses há cerca de um ano, admitiu ter ficado "dividido", mas o facto de "ter vivido uma época fantástica com a equipa do Restelo" e de não querer deixar o "trabalho a meio" acabou por ditar a recusa ao ex-treinador do Benfica.

"Sinto que o convite chega numa altura em que não posso deixar o meu trabalho a meio. Tenho ainda muito a viver e a lutar com a SAD que em mim apostou e me proporcionou o regresso à I Liga", refere, confessando ser hoje "um profissional muito mais feliz".

Por outro lado, o diretor desportivo da formação do Restelo mostrou-se crente no sucesso futuro de Jorge Jesus.

"Estou certo de que saberá procurar renovado sucesso, o mesmo sucesso pelo qual vou bater-me pelo Belenenses", conclui.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.