Filip Krovinovic está na fase final da longa recuperação da lesão contraída em janeiro deste ano no jogo frente ao Desportivo de Chaves. Em declarações à BTV, o médio explicou que espera voltar a jogar já em outubro.

"É complicado vê-los e tu estás do outro lado a trabalhar sozinho. Agora falta muito pouco e já fiz algumas coisas com a equipa. Por isso sinto-me muito bem. Acho que daqui a pouco já estarei com a equipa. Claro que traz alguma ansiedade. No dia 6 de setembro fez sete meses. Passando tanto tempo é claro que tens vontade de voltar a treinar e jogar com a equipa. Comecei a fazer algumas coisas com a equipa nas últimas duas semanas. Já fiz por exemplo posse de bola jogando como jóquer. Senti-me bem psicologicamente, nas pernas e espero que em outubro já possa fazer alguns minutos. A parte mais difícil foi no ginásio. Comecei nas bicicletas começando com 5 minutos. Fazia algumas pranchas para aquecer. Uns dias tinha mais alegria e outros com menos mas isso é normal. Esta lesão levou muito tempo a recuperar. Como agora falta pouco tempo para voltar estou feliz aqui", referiu.

"No primeiro mês ainda estava só com as canadianas. Comecei a fazer algum trabalho no ginásio. Depois disso evoluí para o campo e comecei a correr. Aí fiquei mais feliz. Sinto que o regresso está para breve porque quando estou em campo sinto-me muito bem. Não tenho a confiança a 100% mas estou muito bem. Todos os dias ganho ritmo e mentalmente estou muito bem. O primeiro dia com a bola? Foi como se tivesse renascido, como se fosse o primeiro dia da minha carreira futebolística", acrescentou Krovinovic.

O médio croata revelou que o apoio da família durante todo o processo foi fundamental: "A família no futebol e em todos os trabalhos é o mais importante. Tenho família e eles ajudam-me sempre: o pai, a mão e o irmão. Os colegas, os fisioterapeutas e staff técnico também me ajudam".

A inscrição na Liga dos Campeões, ainda que não esteja recuperado, deixou o jogador croata muito satisfeito: "Claro que fiquei muito feliz. Todos os jogadores querem estar inscritos. Espero que quando voltar tenha os primeiros minutos na Liga dos Campeões. É um sonho tornado realidade".

A maior concorrência que vai enfrentar, fruto das aquisições para o meio-campo, não o assusta, e considera mesmo que “é uma coisa boa” para quem “sofreu tanto na bancada a ver a equipa jogar e agora quer é estar lá dentro”.

Filip Krovinovic, de 23 anos, sofreu uma rotura do ligamento cruzado anterior do joelho direito a 20 de janeiro, durante o jogo Benfica-Desportivo Chaves, que os ‘encarnados’ venceram por 3-0, referente à época 2017/18.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.