Declarações de Bruno Lage à BTV, no final do jogo com o Famalicão, que o Benfica venceu por 4-0.

Análise ao jogo: "Um excelente jogo e nada melhor do que acabar o ano no campeonato com um jogo assim. Duas equipas com muita qualidade, a quererem jogar. Fizemos uma primeira parte muito boa, o golo é fruto de uma grande jogada. Uma boa exibição contra a surpresa do campeonato e que joga muito bem".

Benfica a divertir-se em campo: "É o essencial. É o que lhes digo de forma tranquila e serena. Ajudo-os na estratégia e depois trazer todo o futebol que têm neles, de criança, numa relva fantástica. Não sei quantos adeptos estavam, mas é quase como ir ao cinema. Falam bem do filme na quinta-feira, ficam curiosas e vêm ver-nos e apoiar-nos. Fico feliz por ver que a equipa se está a divertir".

Lance do 2-0: "Cumprimentar o miúdo [apanha-bolas] porque realmente é ele que começa a jogada. Foi o Pizzi que disse 'rápido, rápido' e ele deu logo a bola no Tomás [Tavares] e depois finaliza muito bem".

Recuperação para o jogo na quarta-feira: "O mais importante é a recuperação e a cada momento avaliar a equipa, ver o que fizemos de bom e menos bom. A nossa preparação é também o treino de recuperação para termos todos disponíveis [...] O maior fator para a recuperação é a confiança, mas também os resultados e as boas exibições. Independentemente do resultado temos de sair de campo confiantes e consciente de que estamos a fazer bem as coisas".

Como explicar esta subida de forma? "Aquilo que mais contribuiu para isso até foi a substituição do relvado: menos desgaste e maior qualidade de meter a bola de pé para pé. Havia muito desgaste, tivemos a oportunidade de trocar o relvado. Vão ver os jogos que nós fizemos a partir do momento em que mudámos o relvado..."

O Benfica somou, este sábado, a 11.ª vitória seguida na I Liga portuguesa de futebol, ao golear por 4-0 na receção ao Famalicão, em jogo da 14.ª jornada. O brasileiro Carlos Vinícius, aos 39 minutos, assinou o seu 11.º remate certeiro na competição, antes de Pizzi o igualar na lista de melhores marcadores, com golos aos 48 e 63, e de o também brasileiro Caio Lucas fixar o resultado final, aos 89.

Com este triunfo, o líder e campeão Benfica aumentou provisoriamente a vantagem para sete pontos sobre o FC Porto, que recebe o Tondela, na segunda-feira, enquanto o Famalicão permanece no terceiro lugar, com 24, mas ao alcance do Sporting, que, também na segunda-feira, visita o Santa Clara.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.