O Sporting vingou-se desta forma a eliminação da Taça de Portugal, há nove dias, quando o Vitória de Setúbal venceu no Bonfim a equipa de Paulo Sérgio por 2-1, no encontro dos oitavos-de-final.

Mas esta noite o Sporting apresentou-se diferente, com um jogo mais vistoso e uma atitude mais arrojada, com Yannick Djaló, que jogou desde o primeiro minuto, a ser a figura do encontro ao apontar dois dos três golos no Estádio do Bonfim.

O primeiro golo dos verdes e brancos surgiu ao minuto 19, com Valdés a trabalhar bem pela direita, cruzando rasteiro para Yannick que recebeu e girou, finalizando com um remate de pé esquerdo para o golo.

O Sporting continuou fulminante e o segundo tento surgiu depois de um bom desenho individual de Abel que rematou fora da área, batendo Diego, ao minuto 38.

Ao intervalo, o Sporting foi para o balneário com uma vantagem confortável, e justa, por 0-2.

No segundo tempo, a formação de Paulo Sérgio não entrou tão forte como no primeiro, mas mesmo assim chegou ao terceiro golo num contra-ataque conduzido por João Pereira e com um cruzamento rasteiro para Yannick encostar na área, ao minuto 56.

Nos últimos minutos de jogo, o jogo tornou-se mais desinteressante, com a forte chuva a não ajudar o espectáculo.

Com esta vitória, o Sporting volta a subir ao pódio, ao terceiro com 25 pontos (menos 13 que o líder FC Porto), chutando a União de Leiria para o quarto lugar, apenas com um ponto a menos.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.