De acordo com a CD, o processo de inquérito surgiu "para averiguar o relevo jurídico-disciplinar da factualidade constante da certidão judicial remetida à LPFP, relativa ao inquérito criminal", em que vários elementos das claques do Benfica foram detidos.

Contudo, a CD arquivou o processo, ao não provar a existência de "eventual apoio ilícito a grupos organizados de adeptos por parte do Benfica e/ou do presidente do respectivo Conselho de Administração".

A CD da Liga de clubes arquivou ainda os processos de inquérito contra o treinador do Sporting, Paulo Bento, e o Conselho de Administração da SAD por queixas do árbitro lisboeta Duarte Gomes e da Comissão de Arbitragem.

Por outro lado, o árbitro Bruno Paixão foi sancionado com pena de repreensão registada por ter tido "actuação negligente na identificação do técnico expulso do banco de suplentes" da Oliveirense, na partida com a União de Leiria, da 28.ª jornada Liga de Honra da última temporada.

Já o Feirense foi multado em 1 250 euros por "não ter assegurado a presença do número regulamentar de 'apanha-bolas' (8)" no encontro com o Portimonense.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.