A Liga Portugal convocou as Sociedades Desportivas e respetivos departamentos médicos para uma reunião conjunta, que se realizou na manhã desta sexta-feira, e que teve como principal foco a análise da evolução pandémica no futebol e a necessidade de adequar o Plano Específico de Retoma para o Futebol Profissional, face ao alívio de medidas em relação à COVID-19, após a reunião de quinta-feira do Conselho de Ministros.

Desta maneira, a Liga Portugal e clubes reuniram-se para debater e discutir alguns ajustes ao protocolo existente no combate à pandemia, nomeadamente nas regras sanitárias gerais para as equipas, assim como nos procedimentos regulamentares que devem ser seguidos pelo público nas competições. Estas alterações serão apenas implementadas nas Sociedades Desportivas, após a publicação da resolução por parte da DGS e Ministério da Saúde.

Entre as várias medidas de alívio das restrições face à pandemia anunciadas, recorde-se, foi determinado o fim da "exigência de teste negativo para acesso a grandes eventos e recintos desportivos".

De salientar que Filipe Froes, pneumologista, consultor da Liga Portugal e Coordenador do Gabinete de Crise da Ordem dos Médicos para a COVID-19 fez questão de começar a sua intervenção com rasgados elogios à postura demonstrada por todos os que estão no Futebol Profissional, durante estes quase dois anos.

“Quero felicitar a Liga e os Clubes pela extraordinária atitude que tiveram no combate à pandemia e pelo exemplo que deram de cidadania. Foi um extraordinário orgulho ter colaborado com vocês”, salientou.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.